Laboratório de alquimia: humanos, bothanos e cereanos

Uma característica marcante em todas as edições do Star Wars d20 é a versatilidade no que tange as classes. Antes de qualquer outra edição d20, o Star Wars já permitia multiclasse livremente e sem penalidades. No Saga isso ficou ainda melhor com o uso das Talent Trees que deram opções ainda melhores para a construção dos diferentes builds de personagens.

Por isso mesmo acho tão estranho que as raças não tenham tido o mesmo carinho.

Ok, então esse post não é sobre as classes mas sim sobre as RAÇAS do Saga. Se analisarmos, veremos que temos algumas raças com bônus atributos equilibrados (bothano, twi´lek), outras com saldo positivo (cereano, duros) e algumas bem icônicas com saldo negativo (quarren, rodiano).

Apesar de cada raça estar teoricamente “equilibrada” com seus bônus e penalidades, o que vemos na prática é que algumas classes funcionam muito bem para alguns tipos de builds enquanto que outras são difíceis de se usar a não ser no foco em que se destacam. Um exemplo clássico é do wookiee de bowcaster, que sempre terá dificuldades como artilheiro por causa da penalidade de Destreza.

Talvez essa tenha sido a intenção desde o início, mas sinceramente sempre preferi uma abordagem semelhante ao que é feito atuamente na quarta edição do Dungeons & Dragons, com vantagens claras para certos caminhos mas sem prejudicar outros quaisquer.

Pensando nisso, demos início a uma série de postagens dando essa pegada do D&D4 nas habilidades, padronizando com apenas bônus positivos de atributos e possivelmente alterando alguma habilidade para deixar todos mais nivelados.

Ao final dos artigos, pretendo diagramar um PDF no formato de “errata” caso você goste e queira deixar junto do seu livro.

Sem mais de longas, entremos no nosso laboratório de alquimia Sith!

 

Humano Ilustração: Chris Trevas
Não há muito o que alterar no humano pois já é uma das melhores raças do jogo pela versatilidade. Mas como todas as raças estarão terão um upgrade, sugerimos o seguinte:

Ability Modifier: +2 para uma qualquer.
Medium Size: como no livro.
Speed: 6 squares, como no livro.
Bonus Feat: como no livro.
Bonus Trained Skill: como no livro, exceto que o Skill bônus pode ser de qualquer lista, dando ainda mais versatilidade ao humano.

 

Bothano Ilustração: Chris Trevas
Sagazes, investigativos e manipulativos. Não foi muito difícil rever os bothanos. Fiquei tentado a dar um bônus extra de Wisdom, mas sua curiosidade e até paranóia inerente iriam de encontro a isso. Sem grandes mudanças, nossa sugestão apenas reforça o apreço deles por mind games, tornando-os bons espiões, diplomatas e até mesmo jedi.

Ability Modifiers: +2 Dexterity, +2 Charisma.
Medium Size: como no livro.
Iron Will: como no livro.
Conditional Bonus Feat: como no livro.
Discretion: bothanos pode fazer testar Perception para Eavesdrop como swift action ao invés de uma Standard Action.

 

Cereano Ilustração: William O’Connor
Não foi preciso mudar muito desta raça, ela sempre teve ótimas habilidades. Creio que sua falta de coordenação foi uma escolha mais de design de jogo do que uma restrição da raça em si. Seus bônus mentais fazem o cereano ideal para líderes e políticos, mas agora sem a penalidade da destreza e ainda com os bônus de iniciativa, eles ficam excepcionais para qualquer classe combativa.

Ability Modifier: +2 Inteligence, +2 Wisdom.
Medium Size: como no livro.
Speed: 6 squares, como no livro.
Intutive Initiative: como no livro.
Conditional Bonus Feat: como no livro.

 
Apresentamos aqui três raças. Nos próximos artigos devemos trazer mais três ou quatro por vez. Mas e você? Acha que estamos profanando o Saga ou acha uma ideia válida? Deixe sua opinião!
 

COLABORAÇÃO: DIEGO BESSA