datacron3_destaques

Datacron: Episódio 3

Datacron3_640x480

DM Rafael, Marcelo Skywalker, Diego Hernandez, Diego Bessa, Carol, Metalgeisha, Beto Chopper e Fernando se reúnem para a vingança do Datacron! Entenda os erros da Ordem Jedi, os males psicológicos de Anakin e o poder de cedussão do Palpatine!

Recomendações:
Estalagem do Macaco Caolho
Aventura Ordem 66

Fale conosco!
Acesse a Terceira Terra
holocast@terceiraterra.com
@holocastsw
Facebook do Holocast
Acesse o Jedicenter
Facebook do Jedicenter

Dúvidas de Star Wars:
http://ask.fm/holocast

Todos os efeitos sonoros de Star Wars foram feitos a partir do Star Wars Soundboard e com colaboração do Universo Star Wars.

  • Rafael Sangoi

    Olá pessoal! Já faz um tempinho que o Holocast vem me acompanhando nas minhas longas viagens diárias de ônibus no caótico trânsito do Rio de Janeiro, tornando a minha estadia no trânsito bastante agradável, na medida do possível.

    Já tive o prazer de interagir direta ou indiretamente com quase todos os membros cariocas do grupo: Já comprei alguns livros do Saga Edition com o Beto (que me deu ótimas dicas de onde conseguir outros livros de Star Wars na web); como fã de Tormenta e leitor da saudosa Dragão Brasil acompanho regularmente a Estalagem do Macaco Caolho que conta com a presença da Luiza (quase sempre contanto causos das suas mesas de Star Wars); e mais recentemente tive o prazer de jogar a aventura da Ordem 66 com a Carol e o Dbohr mestrada pelo Rafael.

    Gostei bastante da análise feita sobre o Episódio III, e concordo com o grande parte do que foi dito no podcast. Na minha opinião o Episódio III é o melhor da nova trilogia, e sem dúvidas depois de vir pilhado com o Clone Wars 2D o General Grievous para mim foi a grande decepção do filme.

    Meu único adendo é em relação a morte da Padmé: existe uma teoria muito
    interessante sobre isso (http://www.retrozap.com/padme-didnt-die-of-a-broken-heart/) que me fez ver essa parte do filme com outros olhos.

    No mais é isso aí, continuem com o ótimo trabalho!

    • Obrigado, xará! Gravar podcast em si já é um grande prazer, mas conversar e interagir com o pessoal que nos ouve e acompanha é que nos motiva a continuar sempre!

      Espero que tenha curtido a aventura! Particularmente acho que o Bob’s era um espaço bem desconfortável para jogar, sempre saía com dor de garganta quando mestrava. Mas o que vale é que foi divertido e é ainda mais legal quando ouvintes participam.

      Sobre a teoria que você linkou, é quase certo que não seja nada disso. Mas fez tanto sentido que na hora que li sujei meu teto com a explosão dos meus miolos!

      Obrigado pela contribuição e comente sempre!

  • Lucas Filipe

    O Episódio III sem dúvida é o melhor da segunda trilogia e foi um bom final para uma trilogia que começou com muitos problemas.

    O maior erro dos Jedi foi a arrogância, e isso foi mostrados em todos os
    episódios da nova trilogia. Eles se tornaram tão confiantes que ficaram cegos e foi muito fácil para o Palpatine ganhar poder.

    O Episódio III é um House of Cards mais fraco, mas os personagens estão ali. Palpatine é o Frank Underwood e o Anakin é o Peter Russo.

    Esse é o filme do Palpatine e talvez por essa motivo seja tão bom. Ele sabe manipular e tem controle sobre cada situação. Na cena da Opera,quando ele diz pro Anakin que os Jedi e os Sith não são tão diferentes fica bem claro o quanto a Ordem Jedi tinha se perdido.

    Mace Windu é o Jedi mais babaca de todos. Ele se diz um Jedi, mas fala e age como um Sith e aquele sabre de luz roxo para chegar no vermelho não faltava muito.

    Quando a cara do Palpatine derrete, achei bem tosco. Sempre foi dito que o lado negro corrompe e nada mais justo do que o corpo ir se deteriorando com o passar do tempo.

    A luta do Anakin contra o Obi-Wan é legal, mas vale mais pela música e pelo Ewan McGregor que é o melhor ator da segunda trilogia. Já o combate entre Yoda e Palpatine é muito bom, mas teria sido melhor se Yoda lutando tivesse sido guardado pra esse filme.

    O final com Obi-Wan e o pequeno Luke foi muito bom e fechou bem essa trilogia que têm problemas, mas têm momentos muito bons.

    PS: Mesmo com todos os problemas que o George Lucas têm, ele ainda têm créditos eternos pelo universo que criou. Eu acho uma sacanagem que todos os comentários a respeito dele sejam para detratar e nunca para agradecer. #momentolucasbabaca

    • Hahahaha! TOTAL a comparação com House of Cards! E sabe o que é mais impressionante? Eu pensei a mesma coisa quando assisti a primeira temporada.

      A diferença é que o Underwood é ainda mais maquiavélico que o nosso Palpatine 🙂

  • Bruno Brum

    Ótimo episódio, estou até revendo os filmes pra poder acompanhar os próximos DATACRONs a serem lançados. Aqui vai outro testamento, a culpa é de vocês por ter um podcast tão bom!
    Para mim, a coisa mais decepcionante desse filme não foi nem o Grievous, mas os mestres morrerem em menos de 6 segundos para o Palpatine, principalmente pra quem assistiu o desenho do Tartakovsky que será canônico até o fim (assim como the Force Unleashed). Sei que o filme devia encaixar em um tempo determinado, mas não dava pra mata-los com dignidade?
    Achei muito interessante a observação do fato que a República não tem nenhum exército, mas será que suas forças não eram exatamente os droides que agora estão do lado dos separatistas?
    A Ordem Jedi está claramente na sua pior fase, mas acho que podemos dar um desconto. Afinal eles treinavam soldados em tempos de guerra, pois ninguém usa a força ou sabe se quer lutar com um sabre de luz, como vimos do episódio 2…
    Não acho que Windu estava errado ao tentar matar o Lorde Sith, como se prende alguém forte daquele jeito? Só com 2 Yodas de vigia!
    Mesmo achando o filme um pouco rápido demais tenho que admitir que me emocionei, tanto na Ordem 66 quanto no final da luta entre Kenobi e Skywalker. Meus olhos suaram ao final da luta quando o Anakin gritava ‘Eu te odeio!!’
    Bem, essa foi meu segundo testamento, fiquei bem feliz ao ouvir meu comentário nesse episódio, não podemos esquecer que o senhor G. Lucas é mestre em fazer uma cena épica e destruir-la logo em seguida (começa com uma respiração e termina com ‘NOOOOOO’) e que a força esteja sempre com vocês!!

    • Obrigado pelos elogios, Bruno!

      Espero que permaneça conosco não apenas nessa nossa jornada no Datacron mas também nos vários Holocasts (essa semana terá Holocast Rebels)!

      Sobre o Mace Windu, “errado” é um ponto de vista. Era errado terminar de vez com a ameaça Sith? Provavelmente não. Mas e assassinar o Chanceler eleito da República? Certamente que sim.

      A verdade é que não dá pra saber quais seriam os desdobramentos caso ele realmente tivesse feito isso. Talvez a Ordem 66 tivesse sido ativada de toda forma e a galáxia fosse dividida por novos líderes auto-proclamados ou talvez até gerasse novos Jedi Senhores da Guerra.

      Realmente não tem como saber, a menos que você resolva fazer uma aventura de RPG numa linha temporal diferente. Fica a sugestão 🙂

  • Pingback: Universo Expandido das Prequels | Holoblog()