featured_rebels_212

Holocast Rebels: The Protector of Concord Dawn

Rebels212_640x480_Deck
DM Rafael, Diego Bessa, Twilek Pepe, Metalgeisha, Beto Chopper e Barão Fernando se reúnem em Concord Dawn para negociar com mandalorianos os comentários de mais um episódio da série Star Wars Rebels.

Recomendações:
KaminoKast sobre a HQ Kanan: the last padawn
Matinê de Fagulha de uma Rebelião no CCBB
Ganhe um audiolivro de graça e 30 dias para testar o Audible
Acesse o Jedicenter
Acesse o Universo Star Wars

Fale conosco!
Acesse a Terceira Terra
Acesse o Holotumbler
holocast@terceiraterra.com
@holocastsw
Facebook do Holocast

Dúvidas de Star Wars:
http://ask.fm/holocast

Todos os efeitos sonoros de Star Wars foram feitos a partir do Star Wars Soundboard e com colaboração do Universo Star Wars.

Dê uma olhada nestes ótimos produtos disponíveis na Amazon brasileira!

  • Pedro Fontes

    onde vocês viram esse ep?

    • Contamos a ajuda de células rebeldes.

  • Vicente Pinto, Arc. de Skippy

    [Exclamação] Todos saúdam São Skippy e que ele abençoe o Holocast e seus integrantes como uma dádiva aos 6 anos de programa!

    [Elogio] Que episódio de Holocast, senhores. Quando o programa é tão bom que as discussões fluem e apenas adicionam conteúdo ao episódio da série, deve ser elogiado e elegido como um dos melhores já produzidos.

    [Comentário] Gostei muito da situação que foi imposta no episódio debatido, e estou torcendo para que seja a Bo-Katan a mãe de Sabine, entretando, devo salientar que há outras 2 mulheres junto dela quando Pre Vizsla é desafiado por Maul. Além disto, o respeito do líder dos Protetores, Fenn Rau por Kanan é bem interessante, e podem surgir bons frutos para a tripulação da Ghost.

    [Conclusão] Este episódio foi excelente, graças ao seu desempenho e conhecimento demonstrado. Continuem com o bom trabalho.

    [Observação] Acredito que os circuitos de leitura da unidade B3-T0 foram comprometidos. Talvez seja hora de substituí-los.

    [Observação] É legal escrever assim, como o HK-47, porém parece que fica menos humanizado. Vou pensar sobre o assunto.

    [Afirmação] Que a benção de Lord Skippy, salvador de todos, recaia sobre vós. Um abraço e até a próxima semana.

    • Muito bem lembrando, Vicente! Durante o show eu até quis comentar da ascendência da Sabine e as Nite Owls, mas “encaixou” no momento e sem anotações pra me ajudar, acabei esquecendo.

      O fato é que começo a pensar por essa linha. Apesar de que eu quero muito que ela seja filha da Bo-Katan, começo a achar que ela pode ser filha de uma das Nite Owls comandada pela ruiva.

  • Caique

    As muralhas eram altas, mas com bastante esforço uma pedra foi arremessada dentro do forte. Quem a apanhou viu que nela havia enrolado um tecido bastante surrado, nele estava escrito a seguinte mensagem.

    “Saudações moradores do Forte do Holograma, quem vos escreve essa mensagem é um andarilho perdido no deserto. Vago por essa vastidão há dias, desde que minha nave fora abatida e suplico por auxílio. Se possível gostaria de ser admitido dentro da fortificação, juro-lhes que não sou nenhum mal intencionado como os selvagens do povo da areia ou os malucos pintados de branco gritando testemunhem! aos quatro ventos. Sou apenas um humilde mestre de RPG que ao sair pra comprar suprimentos gordeliciosos para a minha mesa de SAGA, tive a nave abatida por um habilidoso caçador de recompensas mandaloriano sob comando de um grande e respeitado Hutt. Consegui sobreviver com muito custo, mas com minha nave destruída perdi aquele que era o meu maior prazer, pilotar. Vagando por essas terras devastadas sem nenhuma forma de comunicação tive que aprender rapidamente como tudo funcionava por aqui. Entrei em contato com vários saqueadores que encontrei pelo deserto. Um deles, uma jovem e doce garota se convalesceu de meu sofrimento e me doou uma espécie de pão instantâneo até então desconhecido pra mim, o gosto não é dos mais saborosos, mas a praticidade e principalmente a necessidade fazem dele um manjar divino. Descobri através dela que as colônias de graboids que disputam espaço com os poços de Sarlacc estavam migrando cada vez mais para o sul, o que significava que logo todo esse território estaria coberto de vermes gigantes comedores de tudo que se meche no deserto. Mas ela também me disse que por aqui havia uma fortificação mantida por um grupo de rebeldes, o local se chamava Forte do Holograma e todos os que eram considerados dignos eram admitidos. Então aqui estou, como disse anteriormente, um humilde andarilho já quase sem esperanças de sobreviver, se não fosse a fé em São Skippy eu já teria desistido. Saibam que mesmo que se decidirem que não sou digno, gostaria de parabenizá-los, pois ouvi que o forte já está erguido á exatos seis anos, não é nada fácil manter um local de pé por tanto tempo nesse terreno inóspito. Bom, aguardo pela resposta em um acampamento montado um pouco a nordeste do forte.

    Ass: Caique

    PS: Ainda bem que eu achei uma pedra grande não?

    • Raquel Souza

      Graboids?

    • É provável que o holograma seja uma miragem, não temos fortes mas bases rebeldes itinerantes! Mas pode se achegar, descanse e conte suas histórias aqui. A cantina está sempre aberta para nossos viajantes visitantes!

  • Rafael Sangoi

    Mais um excelente episódio do Holocast, não é por menos que estão completando 6 anos de existência (não tinha ideia de que o podcast estava no ar por tanto tempo).

    Sobre o episódio, acho que me senti um pouco como Fernando na primeira vez que assistiu, as informações dos teasers eram o clímax do episódio, não tinha mais nenhuma revelação a ser feita sobre a origem da Sabine, o que acabou sendo um pouco frustrante (muitas perguntas ainda pairam no ar, mesmo depois daquele Rebels Recon. O nome Sabine é bem semelhante a Satine, seria essa mais uma pista apontando para Bo-Katan como a mãe da Sabine?).

    Achei muito legal o que a Disney fez, de lançar pela manhã a HQ mostrando o Fenn Rau e o seu esquadrão de mandalorianos salvando Kanan (ainda Caleb) e sua mestra durante a 3ª batalha de Mygeeto, e à noite no episódio de Rebels o reencontro dos dois no futuro em Concord Dawn.

    Agora, gostaria de saber como é o processo seletivo para entrar no Phoenix Squadron, porque em toda batalha que eles entram não sobra ninguém! Tudo bem que pilotos de caça em Star Wars geralmente não tem uma vida muito longa, mas os caras do Phoenix Squadron se superam! Vai ver é esse o motivo do nome, já que o esquadrão tem que renascer das cinzas (literalmente) após cada combate, arrumando novos pilotos. Talvez seja reflexo da incompetência do Sato. Não vejo a hora de darem um pé na bunda dele e promoverem a Hera.

    No mais, continuem com o ótimo trabalho que vocês vem desenvolvendo ao longo desses últimos 6 anos, e aguardo ansiosamente pelo podcast do próximo episódio (que eu já assisti e está muito bom!). Vida longa ao Holocast, com a benção de São Skippy!

    • Hahahaha! Os pilotos do esquadrão Phoenix são os players noobs de Battlefront que morrem de cara. Mas não grilo não que logo em seguida eles são respawn 😀

  • Raquel Souza

    Olá a todos do Holocast, depois de um período em que fiquei sem ter como assistir aos episódios de Rebels e principalmente sem ouvir o podcast de vocês, retorno as atividades convencionais. Fiquem sabendo que já corri atrás do atraso e e já estou cronologicamente parelha com todo mundo. Cabe aqui algumas notificações atrasadas:

    – Primeiro, para a minha querida Twilek Pepe, você também está no meu coração <3.
    – Segundo, parabéns pelos 6 anos, que venham muitos outros porque o que é bom tem que continuar
    – Terceiro, esse talvez seja um pouco mais sutil que os anteriores e vai pro garoto dos olhos negros, vou ser direta, Ben Bridger – Infinities Pocket NOW!
    – Quarta, se alguma sinopse por algum caso atrasar podem me avisar que eu vou com a tropa de choque do Império na casa de um certo alguém cobrar pessoalmente.

    Enfim, do episódio atual eu não tenho nada para comentar além de que foi com a Sabine em foco então não tinha como ser ruim. Abraços, beijos e até semana que vem.

    • Eu voto pra que no universo Awakens seu e do Caique, o Kylo Ren seja um Ben Bridger 🙂
      Seja bem-vinda novamente, Raquel!

  • Lucas Filipe (Lightkiller)

    Mais uma excelente episódio e muitos anos de vida ao Holocast. Eu vi o início do podcast e espero que continue por muito tempo.

    Tive que dar um tempo de Star Wars, muito coisa aconteceu e acabei absorvendo tudo que podia e que não podia, e no final tive uma overdose de SW. Agora que estou um pouco mais limpo, vou pegar mais leve.

    No começo de Rebels eu tinha certos problemas com alguns personagens, mas isso não existe mais. Gosto de todos e vejo a importância de cada um. Achei esse episódio muito bom. Contou um pouco mais sobre a Sabine e abriu possibilidades fantásticas para futuros episódios. Outro fato que achei interessante, é que os Mandalorianos sempre são mostrados com o mesmo pensamento por milhares de anos, mas o grupo mostrado no episódio evolui em pensamento para não ser destruído.

    Sei que a Igreja de São Skippy precisa do dízimo, mas acho que qualquer quantia seria melhor utilizada pela Terceira Terra. No final desse mês farei uma contribuição aos servidores.

    • Muito obrigado por fazer essa caminhada junto da gente. Também outro GRANDE obrigado pela futura contribuição! =)

  • Eric Chiavo

    Parabens pelos 6 anos de Holocast, que venham mais 6 e muito mais sucesso por ai!

    Poxa nao sou fa~ entao hahahahahahahah? O episodio em si foi excelente, gostei do desenvolvimeto do kanan e da sabine e da interacao entre os dois que era quase inexistente antes. Fenn Rau se mostrou um personagem complexo e bem interessante, foi uma sacada bem legal ele ser introduzido na hq do Kanan no mesmo dia de lancamento desse episodio, o story group ta mandando muito bem nesse sentido.

    E a igreja de Sao Skippy acaba de ganhar mais um devoto, de hoje em diante pregarei em praca publica nossa biblia Star Wars Tales 01, pra espalhar a palavra do santo de todos os santos, amem!

    E to com voces #SabineMandalore!