featured_rebels_305

Holocast Rebels: The Last Battle

rebels_640x480_deck_305

DM Rafael, Twilek Pepe, Metalgeisha, Beto Chopper e Barão Fernando se reúnem em uma antiga base separatista e são obrigados a lutar contra inimigos do passado para trazer os comentários do episódio The Last Battle da série Star Wars Rebels.

Recomendações:
Age of Rebels: Krykna
Regional de X-Wing Carioca 2016
Ganhe um audiolivro de graça e 30 dias para testar o Audible
Acesse o Jedicenter
Acesse o Universo Star Wars

Fale conosco!
Acesse a Terceira Terra
Acesse o Holotumbler
holocast@terceiraterra.com
@holocastsw
Facebook do Holocast
YouTube do Holocast

Dúvidas de Star Wars:
http://ask.fm/holocast

Todos os efeitos sonoros de Star Wars foram feitos a partir do Star Wars Soundboard e com colaboração do Universo Star Wars.

Dê uma olhada nestes ótimos produtos disponíveis na Amazon brasileira!

  • Marcelo Eduardo

    Primeiramente, pela piada sobre Hera e Daenerys na leitura de comentários… Parabéns, Carol, fazer gifs não é fácil!

    https://uploads.disquscdn.com/images/430785b5cc7ec56c6c4d4953b010f5bda94440da0c3129e42546a204e2ebf07c.gif

  • Darth Hummer

    Eu achei meio filler esse ep.
    Achei bacana ter esse fechamento das Clone Wars. Mas não vejo a necessidade. quebrou mto o ritmo do ultimo ep. onde a gente tava querendo mais de Thrawn.
    mas o episódio é mto bom.

  • Raquel Souza

    Olá Hololindos, sensacional esse episódio repleto de Clone Wars feelings. Sou daquelas que sente peninha dos “Roger Roger droides”, é só crueldade com eles, parece até que o Filoni é um daqueles fã chatos que ficam maltratando nas campanhas de RPG aqueles seres de SW que eles odeiam, que nem um rapaz que eu conheço que adorava atirar em Ewoks (longa história que eu talvez conte outro dia). O elo que foi fechado com Clone Wars foi fantástico, eu achei bastante tocante o discurso do nosso garoto Ezra sobre quem de fato ganhou a guerra, gostei muito mesmo.

    Um adendo, as sinopses de vocês são muito melhores, falei.

    E por favor memes Rafael Trollzinho.

    • Tem um participante do Holocast que também adora atirar nos pobres Ewoks. E nem preciso citar porque tenho certeza que ele vai se acusar na leitura de comentários.

      E juro que deixei escapar sem querer, foi completamente justificado pelo papo e até cortei na edição 🙂

    • Darth Hummer

      vcs tão ligados q os B1 são versões androids do Jar Jar Binks né?

  • Márcio Lima

    Eu tenho uma dislexia. Toda vez que o Rafael fala Rex eu ouço Wrex, e visualizo o estrago que ele faria.

  • Marcelo Eduardo

    Como o nosso barão disse que virou leitor oficial de meus comentários, começarei com um “Fala galera!”. Não vou adicionar muito ao episódio em si, mas um ponto que notei que vocês gostaram bastante foi a interação entre elementos da Trilogia Clássica (Império) e da Trilogia Prequel (Separatistas). Isso só não me lembrou de Battlefront e o exemplo dado pelo Fernando sobre dróides reativados em Mustafar (há também uma fase de Clones vs Stormtroopers) mas lembrei de dois livros escritos pelo “Thrawn” ainda não publicados aqui: Survivor’s Quest e Outbound Flight.

    Survivor’s se passa alguns anos após a Trilogia Thrawn. Luke e Mara são convidados a participar de uma expedição para o espaço Chiss onde os restos da Outbound Flight (Viagem Extragaláctica aqui no Brasil) foram encontrados. A Outbound Flight já havia sido citada na Trilogia Thrawn pois foi o modelo original do insano clone Joruus C’Baoth (leia “Sabaióf” que organizou esse projeto antes das Guerras Clônicas.

    O livro Outbound Flight, foi lançado um ano depois que Survivor’s Quest e serviu de prequel para o livro mostrando a expedição.

    A Outbound eram seis naves classe Dreadnought interligadas por um enorme centro, com o objetivo de viajar pela e por fim, sair da Galáxia em busca de outras formas de vida e civilizações (por favor, Luiza, cante o tema de Star Trek de novo). Darth Sidious entra em contato com os Chiss e convence o jovem Thrawn que essa expedição é uma ameaça feita pelos Separatistas e portanto deve ser destruída. Sidious teme, na verdade que essa expedição desperte a atenção dos até então chamados “far outsiders” (forasteiros), seres de outra Galáxia com naves de aparência quase orgânica que estavam perambulando pela borda distante da Galáxia e que com isso acabe desencadeando uma invasão indesejada. Sim vocês pensaram certo! Esses forasteiros são os Yuuzhan Vong. Inclusive, o risco da invasão Vong foi um dos motivos alegados por Palpatine para manter o Império militarizado.

    Voltando à Luke e Mara anos depois, ao entrar nas ruínas da expedição destruída em uma lua o casal Jedi encontra várias coisas do período das prequels como um caça Jedi (alguns Jedi e seus Padawns fizeram parte da expedição, C’Baoth incluso) e o mais interessante: eles enfrentam um Droideka até então adormecido. Este não estava com o escudo defeituoso e os dois precisam encontrar uma solução para destruí-lo. O resultado (pelo que me lembro): eles deixam os sabres no chão e fazem o Droideka ficar em cima dos sabres e com isso, usando a Força de uma distancia segura, ativam-os e destroem o dróide de dentro pra fora.

    É isso, não estenderei muito mais, mas espero que tenha despertado a curiosidade de vocês e dos ouvintes para procurarem mais sobre a história. Se tiverem pouco tempo, procurem o Survivor’s Quest pois ele se sustenta sozinho enquanto o outro livro serve como plano de fundo (num estilo semelhante entre as Trilogias Clássica e Prequel).

    Um grande abraço para todos!
    https://uploads.disquscdn.com/images/25d392f61e8b4b8ce6ff596478da7b181d33586a4764d7db4da94490c9f11fac.jpg

  • Agente CARLOS (Vicente)

    Saudações meus queridos amigos!

    Outro comentário breve:
    Que foda esse logo amarelão do Rebels no estilo Clone Wars. Excelente homenagem.
    Achei meio bobinho a resolução do episódio, mas não tenho problemas com isso.

    E SABIZRA não fui eu que inventei, ouvi num Holocast xD

    Abraços amiguinhos, até a próxima! 🙂

    • Aproveitei para fazer uma homenagem na capa do mp3 também. E não ligue pra Carol, ela tem dificuldade para aceitar nomes além dos seus (falsos) ships 😀

    • Caique

      Atirar nos outros pra neguinho refletir os tiros no alvo me pareceu solução tirada da cabeça de jogador de RPG. “Se eu tenho refletir com sabre de luz, porque não jogar aí um teste de destreza pra resolver essa parada, mestre?”.

  • Lucas Filipe (Lightkiller)

    Saudações!

    Esse episódio pode ter sido um filler, mas foi muito bom. Já tive problemas com episódios assim, mas agora entendo que eles sempre exploram e desenvolvem um personagem.

    Agora que a Netflix disponibilizou quase tudo que foi produzido em vídeo para SW, estou revendo as temporadas de The Clone Wars e a série é fantástica. Poder revisitar as Guerras Clônicas no período de Rebels foi muito bom e como mostrado no episódio, a guerra finalmente acabou. No final do episódio realmente achei que o Super Tactical Droid fosse entrar para a Rebelião e se acontecesse seria interessante.

    Como sempre mais um excelente Holocast e que a Força esteja com vocês!

    PS: Tenho certeza que a Luiza vai gostar do próximo episódio!